Legalmente Negra

Just another WordPress.com site

24/07/2008 – Killatroz, os Astros de Itaquera – edição 84

 
A Banda Killatroz foi a vencedora da edição de junho do programa Astros do SBT e quatro de seus onze integrantes estiveram na redação do Fato Paulista para contar um pouco da trajetória dos campeões.

Por Elaine Paiva

O Killatroz surgiu há quatro anos na Vila Carmosina, bairro de Itaquera, formado por um grupo de amigos que tinham o mesmo sonho. “Percebemos que nossas idéias batiam e tínhamos o mesmo objetivo. Então formamos primeiro ‘Os Discípulos do Gueto’, que depois se transformou em Killatroz”, conta o rapper Brancão. David Campos, o Dkillah, conta que o nome Killatroz surgiu de uma brincadeira, na qual resolveram unir a palavra inglesa Kill (matar) à palavra atroz (cruel). Porém, segundo os garotos, não devemos interpretá-lo ao pé da letra. “Esse nome tem vários significados e nós escolhemos o que mais tem a ver com a gente, que é ‘aquele que ama intensamente’”, explica Brancão.

E é como aqueles que amam intensamente que os rappers do Killatroz enfrentam as barreiras formadas pelo preconceito, para fazer aquilo que realmente gostam: O rap. “Todos pensam que rapper é vagabundo, drogado. Mas estamos aqui para provar o contrário, todos nós temos família e trabalhamos”, diz Zoreia. “Além disso, as portas não são abertas para nós. O mercado para esse tipo de música é muito fechado”, completa André. Os meninos contam que já sofreram bastante até serem reconhecidos, e até receberam propostas abusivas por parte de empresários. “Um deles queria ganhar 80% do que ganhássemos e dar apenas 20% para a banda. Se fosse no tempo da escravidão, seríamos escravos”, reclama Brancão.

No mês de junho o grupo participou do programa Astros do SBT. E com um som que mistura rap, soul, samba rock, entre outros, conquistou a simpatia dos jurados e do público, derrotando 3 mil candidatos e ganhando um carro 0 quilômetros. Os garotos afirmam que além do carro, ganharam também notoriedade e esperam que isso os ajude a quebrar ainda mais o preconceito Dizem ainda que percebem o trabalho reconhecido através do carinho demonstrado pelos fãs em sites como orkut e youtube e se orgulham por terem mais de 20 mil downloads de suas músicas na internet.

No dia 20 de julho o killatroz participou de um show organizado por eles mesmos no Jardim Marabá em Itaquera. O evento durou 8 horas, reuniu cerca de 3 mil pessoas e contou com a participação dos grupos de rap Irmandade Negra, DMN, Dj RM, entre outros. “O show foi sensacional. Conseguimos trazer uma galera legal. Não teve briga. Tinha pessoas de todas as idades. É sempre muito bom tocar aqui”, conta Dkillah.  No dia 26 de julho o grupo se apresenta em Sorocaba e atualmente trabalha no CD independente que deve ser lançado em setembro. E se depender do talento e da força de vontade dos garotos será um grande sucesso. “Estamos nos fortalecendo aqui dentro para depois sairmos com tudo. Se quisermos chegar a algum lugar, temos que batalhar muito”, encerra Brancão.

Telefone para show é 9860-8151, falar com Brancão.

http://www.fatopaulista.com.br/index.php?option=com_content&task=view&id=512&Itemid=38

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s