Legalmente Negra

Just another WordPress.com site

08/03/2010 – Sociedade Amigos da Cidade Líder corre o risco de ser fechada – edição 120

 
Por Elaine Paiva

Fundada em 1988, por José Lino, a Sociedade Amigos da Cidade Líder, em Itaquera, traz em seu currículo um grande número de realizações na região, como mutirões, asfalto, o MOVA (Movimento de Alfabetização de Jovens e Adultos), que atende 101 adultos e 41 crianças, atividades para terceira idade, entrega de leite e cestas básicas, entre outras. Porém, a instituição pode ter suas atividades interrompidas por conta de problemas com a Prefeitura.

De acordo com Madalena Vitor Gimenez, atual presidente da instituição, o problema é anterior à Prefeitura. A presidente conta que em 1999, após construir uma quadra society, para a comunidade local, José Lino, o então presidente, se viu em meio a dívidas e resolveu arrendá-la por sete anos para um homem de nome Ailton de Souza da Silva (não encontrado por nossa reportagem).
Passado os sete anos e com a morte de José Lino, Ailton se negou a devolver a quadra à Sociedade, alegando tê-la comprado do presidente pelo valor aproximado de 40 mil reais. “O senhor Ailton não quer saber de conversa. A quadra pertence à comunidade e as pessoas nos cobram isso, pois poderíamos utilizá-la para os idosos, para as crianças carentes. Nós temos um espaço muito pequeno para fazer os trabalhos que fazemos e ele não dá chance alguma para a gente”, reclamou Madalena.
Sem conseguir acordo com Ailton, Madalena procurou pelo subprefeito Laert Teixeira e entrou com um processo na Subprefeitura de Itaquera. Porém, durante a avaliação do caso, foi descoberto que o terreno ocupado pela instituição e também pela quadra society pertence à Prefeitura. E mais, não há nenhum comprovante da doação do terreno da Prefeitura para a Sociedade Amigos de Cidade Líder, que recebeu por carta em 2009, o comunicado de que deveria ser retirada imediatamente do local.
Segundo o vice-presidente Moreira, o terreno foi doado para a instituição pela então prefeita em 1989, Luiza Erundina, porém realmente não há comprovação da doação, assim como também não há comprovante do arrendamento da quadra Society, para Ailton de Souza, que alega ter todos os documentos da compra. “O problema é que não tínhamos acesso aos documentos da diretoria daquela época e não sabemos onde o José Lino deixou essas coisas, mas nós queremos resolver tudo isso, e legalizar a nossa situação”, disse Moreira.
   Não tendo para onde seguir, e se vendo de mãos atadas para expandir suas atividades, a diretoria da Sociedade Amigos da Cidade Líder, que já aguarda há seis meses por uma resposta da Subprefeitura, pede que o subprefeito reveja a situação. “Se formos tirados daqui, como ficam os trabalhos que estamos fazendo? Eu gostaria que o subprefeito avaliasse com carinho o trabalho que estamos fazendo e desse a oportunidade para continuarmos”, apelou Madalena.
    De acordo com informações da assessoria de imprensa da Subprefeitura de Itaquera, a chefe de gabinete Alice Coutinho Magro desconhece o caso, porém a Subprefeitura deve analisar a situação e a documentação enviada para que seja dada uma resposta.
 

http://www.fatopaulista.com.br/index.php?option=com_content&task=view&id=1421&Itemid=34

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s